Campinas, 22 de Março de 2019
MPT AGORA NO TAQUARAL
12/12/2018
Aumentar fonte Diminuir fonte
INAUGURAÇÃO DO NOVO PRÉDIO SERÁ QUINTA DIA 13

 
Cerimônia contará com a presença do procurador-geral do trabalho Ronaldo Fleury; ato está marcado para as 17h30 na Rua Pedro Anderson, 91, Taquaral

 O Ministério Público do Trabalho inaugurará, nesta quinta-feira, às 17h30, sua nova sede em Campinas. As novas instalações estão localizadas na Rua Pedro Anderson, 91, bairro Taquaral. A unidade administrativa ocupa 14 pavimentos no edifício Evian, em uma área total de 5.492,73 m². Nos últimos 11 anos, o MPT operou em um prédio no bairro Alphaville. 

A cerimônia terá as presenças do procurador-geral do trabalho, Ronaldo Fleury, que virá acompanhado do diretor-geral da Procuradoria-Geral do Trabalho, Leomar Daroncho, e do presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), Ângelo Fabiano Farias da Costa. Representantes de diversos órgãos, como TRT, Ministério do Trabalho e OAB confirmaram presença.   

Sobre o prédio - O edifício Evian atenderá integralmente à Resolução nº 81/2012 do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que exige adequações das edificações e serviços do MP às normas de acessibilidade a pessoas com deficiência.  

Todos os andares do edifício possuem banheiros acessíveis, bem como elevadores com sinal sonoro e botões que possibilitam a leitura em braile. O acesso principal é totalmente plano, sem desníveis, e o atendimento será realizado no térreo do prédio, onde ficam as salas de audiência, protocolo, sala da OAB, memorial e biblioteca. O auditório, localizado no primeiro andar, possui espaços dedicados às pessoas com deficiência. 

Além dos critérios de acessibilidade, a nova sede do MPT possibilitará o melhor acesso da população aos serviços oferecidos pelo órgão, uma vez que se encontra em local central da cidade, servido por várias linhas de ônibus, além de restaurantes, estacionamentos, bancos e outras comodidades. A nova localização também aproxima o Ministério Público do Fórum Trabalhista e da sede do TRT-15, possibilitando maior integração com a Justiça do Trabalho.   

A nova estrutura também oferecerá uma sala de audiência adicional, num total de 6 salas. Os gabinetes dos procuradores serão estruturados cada um com uma secretaria, onde servidores e estagiários poderão trabalhar no mesmo ambiente, com maior sinergia, gerando a expectativa de maior produtividade na tramitação de inquéritos e processos.
  Última edição  
  Edição 121 - 26/05/2018 - Clique para ler  
© 2019 - Jornal Alto Taquaral - CG Propaganda